Estava nos meus 20 anos, empenhada em me dedicar aos asanas e pranayamas recomendados pelo Yoga quando encontrei no Google referências à dança que transformaria a minha vida. “Dança indiana”, digitei sem querer querendo. O resultado da nova busca foi um encontro com o Odissi, estilo clássico de dança hindu nascida no estado de Orissa, na costa leste da Índia. Hoje, são oito anos de estudo com a professora Silvana Duarte, que culminou com uma viagem para a Índia em janeiro de 2009.

Desembarquei com o Rodrigo, meu companheiro de jornada, em Bhubaneswar, capital do estado de Orissa, num fim de tarde nebuloso e quase sem graça. De todas as cidades do nosso roteiro pela Índia, esta era sem dúvida a mais provinciana. A temporada de dez dias foi dividida entre aulas de Odissi com a professora Aruna Mohanty e entrevistas para o mini-documentário Odissi, Dança Divina.

Dentre os locais relativos à história da dança, visitamos o templo Mukteswar, dedicado a Shiva, uma escola gurukul, onde assistimos a uma apresentação de estilo gotipua, a Uktal Music and Dance College, onde entrevistamos professores de música e dança Odissi, e a casa de Sarat Das, filho do Guru Pankaj Charan Das, um dos primeiros arquitetos do Odissi. Após a derradeira aula de dança, entrevistamos a minha professora e agradeci por dar mais alguns passos rumo a essa arte milenar.

O último dia livre foi inteiramente dedicado ao Templo do Sol, em Konark, maior ícone da história do estilo, de onde muitos professores e coreógrafos tiraram a nomenclatura gestual de que hoje é feita o Odissi. Nossa peregrinação final nos levou ao Templo de Jaganatha, em Puri, um dos lugares mais sagrados da Índia – e do Odissi. No caminho de volta, procuramos pela imagem mais comum de Jaganatha – acompanhado do seu irmão Balbhadra e de sua irmã Subhadra – e com as três divindades tribais na mochila, fizemos a nossa última saudação ao sol de Orissa. Minha primeira jornada até o coração do Odissi chegava ao fim. Jaya!

Documentário Odissi, Dança Divina, produzido durante a viagem para a Índia.

As fotos produzidas para a exposição Índia, um gesto no olhar podem ser vistas no site: http://www.flickr.com/photos/indiaumgestonoolhar

Viagem ao coração do Odissi

Blog | Nenhum comentário