Revelando por meio de imagens: Tribhanga

Por Silvana Duarte

O harmonioso ritmo interno encontrado no tribhanga, conceito hindu de iconografia e uma das posições básicas do Odissi, empresta aos movimentos e posturas esculturais dessa dança, aquilo que é a sua característica principal: o sentido de fluidez e lirismo, que evoca beleza, charme e graciosidade.

Em dança, uma tripla flexão formada com a dobra dos joelhos, deslocamento do torso e uma leve inclinação da cabeça, associa a imagem ao sagrado. Escultura em movimento é a primeira leitura que fazemos ao assistir uma apresentação de Odissi. E esses mesmos movimentos esculturais são observados nos inúmeros templos na região da cidade de Bhubaneswar, testemunhos da evolução da dança Odissi.

Na fachada do templo Vaital Deul, datando do séc. 9, observa-se a proeminência da figura feminina com grande destaque, para revelar a conexão do movimento com o sagrado. Todas essas belas imagens foram extensamente incorporadas à dança Odissi.